domingo, 8 de julho de 2007

Estar enamorado

"Estar enamorado, amigos, é encontrar o nome certo da vida.
É encontrar por fim a palavra para fazer frente à morte.
É encontrar a chave oculta que abre o cárcere em que a alma está cativa.
É encontrar-se da terra com uma força que chama de cima.
É contemplar do cume a razão das feridas.
É notar nuns olhos um verdadeiro olhar que nos olha.
É escutar numa boca a própria voz profudamente repetida.
É surpreender numas mãos esse calor da perfeita companhia.
É suspeitar, definitivamente, que a solidão da nossa sombra está vencida.
Estar enamorado,amigos, é ouvir no deserto a cristalina voz de um rio que nos chama.
É governar a luz do fogo e ao mesmo tempo ser escravo da chama.
É entender o diálogo pensativo do coração e da distância.
Estar enamorado, amigos, é assenhorar-se das noites e dos dias.
É contemplar um comboio que corre pela montanha com as luzes acesas.
É contemplar perfeitamente que não há fronteiras entre o sonho e a vigília.
Estar enamorado, amigos, é sofrer espaço e tempo com doçura.
É não saber se são nossas, ou não, as longínquas amarguras.
É regressar à fonte das águas turvas da corrente da angústia.
É partilhar a luz do mundo e ao mesmo tempo partilhar a sua noite escura.
É espantar-se e alegrar-se por a lua ser ainda lua.
É comprovar no corpo e na alma que a tarefa de ser homem é menos dura.
Estar enamorado é começar a dizer SEMPRE, e daí em diante não voltar a dizer NUNCA.
E é além disso, amigos meus, ter a certeza de ter as mãos puras."

Francisco Luis Bernárdez

3 comentários:

por uma lágrima disse...

Estar enamorado é,
Ler o que subscreves...
Sentir a tua verdade...
Compreender o teu momento...
Estar contigo em pensamento...

Todo o meu carinho é para ti

borrowing me disse...

eu li um livro: enamoramento e o amor... foi divinal
aconselho a todos os enamorados!

bjs

D disse...

sorrir :)